Rejuvenescimento Íntimo

Rejuvenescimento Íntimo

Rejuvenescimento Íntimo

O QUE É REJUVENESCIMENTO ÍNTIMO?

Muitas mulheres não sabem o que é e, para falar a verdade, muitas nem conhecem direito seus órgãos sexuais e sua sexualidade, e olha que eles são usadas todos os dias!

O rejuvenescimento íntimo visa melhorar toda área genital externa em vários aspectos, tanto na parte estética como na funcional. Muitas mulheres têm grandes queixas de algum modo. Falando em estética algumas reclamam da cor escura, dos pelos em excesso, ou do tamanho dos pequenos lábios, mas em muitos casos as reclamações são mais preocupantes, como sentir dor ao fazer sexo ou incontinência urinária (perda de xixi sem querer).

Para esclarecer e quebrar alguns tabus, estamos começando hoje a gravar uma série de vídeos informativos que vão falar sobre procedimentos na região genital, conhecidos também como REJUVENESCIMENTO ÍNTIMO OU REJUVENESCIMENTO GENITAL. E por acreditar que essa área tem que ser tratada de uma maneira multidisciplinar para atingir os objetivos, eu, como cirurgiã plástica, com formação em dermatologia preciso também conversar e analisar o caso junto com uma ginecologista, de modo a atender a demanda do rejuvenescimento íntimo de forma mais completa . As vezes até uma fisioterapeuta de assoalho pélvico uma gastroenterologista e uma urologista tambem se associam a nós neste tratamento.

Nós temos recebido em nosso site, uma gama de emails com perguntas e questões sobre o rejuvenescimento íntimo. Principalmente, sobre o uso do laser, e eu acho que a culpa disso, é da mídia com a divulgação do laser no meio leigo.

O rejuvenescimento íntimo não se baseia somente na utilização do laser, e isso é algo que deve ser esclarecido a todos. Existe uma série de áreas terapêuticas que podemos usar para tratar dessa região.

Basicamente, temos dois tipos de queixa nessa região, a queixa estética e a funcional. Precisamos diferenciar esses dois tipos de queixa, geralmente os problemas em estética, estão relacionadas as perguntas que minhas pacientes fazem, como:

“Dra. Ale, estou com essa região mais escura depois do parto!”, “Dra. Ale, eu tenho muitos pelos encravados!”, “Dra, eu estou sentindo uma flacidez, a região está mais mole do que o normal e isso me incomoda.”.

QUESTÃO ESTÉTICA DA REGIÃO ÍNTIMA.

Quando falamos de manchas escurecidas, ou alterações no tom de pele da região, nós utilizamos os lasers para despigmentar a região íntima.

Da mesma forma que envelhecemos em nosso rosto, nós envelhecemos na região íntima. Muitos fatores podem influenciar na estética da região, como a perda de gordura na região, dando aspectos envelhecidos e flácidos, e nesse caso, os lasers não irão resolver. Já nesta ocasião, iremos recorrer ao preenchimento.

QUESTÃO FUNCIONAL DA REGIÃO ÍNTIMA.

Quando falamos sobre a questão funcional, nós temos duas categorias.

A incontinência urinária é uma delas. Ela se manifesta quando sorrimos, tossimos ou realizamos atividades mais agitadas, e por esses motivos, a paciente perde uma quantidade urina.

A redução da libido é a outra categoria, influenciando principalmente nas relações e questões pessoais.

São queixas funcionais e internas, que na maioria dos casos são resolvidas com o laser. Essa tecnologia veio de fato, para melhorar a autoestima da mulher em relação à sexualidade e funcionalidade.

Mas nem todas as queixas são resolvidas pelos lasers, e várias vezes iremos ter uma abordagem cirúrgica ou com um enfoque nos preenchedores, justamente para tratar aspectos que o laser não tem capacidade para ajudar.

O QUE FAZER SE NÃO SEI DIREITO A MINHA QUEIXA?

A primeira coisa a se fazer, é procurar um ginecologista e avaliar se está tudo em ordem. Se tudo estiver em ordem, o próprio ginecologista poderá encaminhar você até a nós para podermos realizar outra avaliação e verificar qual a melhor escolha para o seu caso.

Eu tenho certeza que, quando bem indicada, os tratamentos proporcionam uma melhora notável na qualidade de vida das mulheres.

Se você tem dúvidas, pode vir, que nós vamos te ajudar e trilhar o melhor tratamento para o seu caso, respeitando todas individualidades pessoais e aspectos a serem trabalhados.

O QUE É A MENOPAUSA?

Por que existe um medo tão grande de chegar nessa fase da vida, que deveria ser uma fase simplesmente esperada por todas nós mulheres e sem medo, sem essas inseguranças que muitas das mulheres passam?

A menopausa é um período da vida no qual as menstruações cessam, a gente para de menstruar. Menopausa é considerada quando já estamos há 1 ano sem menstruação e, normalmente, acontece por volta dos 50 anos. E o que acontece à maioria das mulheres? São os calores, aquele calor que acorda a mulher no meio da noite, vem na região do tronco, sobe, incomoda… quando está dormindo ela se cobre, descobre, tem sudorese, isso interfere muito na qualidade de vida dessa mulher. E ela vai ficando cada vez mais irritada, com sintomas de depressão, vai perdendo a libido, já nem sabe mais o que é libido. E para isso tudo, com ajuda de um bom profissional, dá para devolver a qualidade de vida, ter um ótimo envelhecimento em uma ótima fase da vida que é a menopausa.

NINFOPLASTIA, A CIRURGIA ÍNTIMA QUE ESTÁ CAINDO NO GOSTO DAS MULHERES

O Brasil figura há tempos entre os países nos quais mais se realizam cirurgias plásticas e é o campeão mundial em cirurgias íntimas de acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Só no ano passado foram 35 mil procedimentos, conforme cita reportagem publicada no site da Folha de S. Paulo do último dia 10 de outubro.

Entre as cirurgias mais procuradas está a ninfoplastia ou labioplastia, que reduz o tamanho dos pequenos lábios vaginais.

A melhora estética dos lábios vaginais quando estes crescem de forma anormal ou quando um cresce mais que o outro. Geralmente a relação sexual de uma mulher com lábios vaginais fora do padrão causa um pouco de dor devido a fricção do pênis que os puxa para dentro do canal vaginal e ocorre também desconforto psicológico para a mulher, pois fica constrangida em mostrar seu órgão sexual ao parceiro ou fica aparente usar determinados tipos de roupas.

A tecnologia a laser é uma das razões pelo aumento na realização de ninfoplastia, pois trata-se de uma tecnologia mais nova e que melhora muito o resultado.

O tempo de realização do procedimento (cerca de 45 minutos) bem como o pós-operatório ( 5 dias, aproximadamente) somam-se aos atrativos. O sucesso maior está entre as mulheres na casa dos 30 anos e também as que estão em fase de menopausa.As vezes conseguimos até fazer esta cirurgia no consultório mesmo em ambiente cirúrgico ambulatorial .

A indicação para a ninfoplastia é para mulheres que têm os lábios grandes ( parecem linguas de fora ) e se queixam de incômodo ao usar roupa íntima ou sensibilidade na hora do sexo. Esteticamente falando, não há um padrão de coloração e tamanho dos lábios, embora muitas mulheres procurem a cirurgia em busca do lábio perfeito e rosado.

Para isso, muitas decidem fazer também o clareamento para tentar rejuvenescer a região íntima. De fato o envelhecimento provoca ressecamento, flacidez, perda de volume externo, escurecimento da pele e estreitamento do canal vaginal e as vezes precisamos associar tratamentos para cada queixa.

LIPOASPIRAÇÃO DO MONTE PUBIANO

A lipoaspiração do monte de vênus ou lipoescultura do monte de vênus é um procedimento cirúrgico, onde o cirurgião retira tecido gorduroso do monte púbico feminino, e mais raramente do masculino. A cirurgia é realizada com anestésicos locais, sedação ou injeção epidural. Geralmente são realizadas aproximadamente três incisões limitadas a 1 cm cada, para aspirar a gordura com seringas especiais (cânulas) de pequeno calibre.

LIPOESCULTURA INTIMA

Trata-se de usar a gordurinha que saiu de um local indesejado e colocar nos grandes lábios para melhorar o volume e a flacidez.

PREENCHIMENTOS INTIMOS

Podem ser feitos com a própria gordura da paciente ou com ácido hialurônico nas regiões que se seguem

GRANDES LÁBIOS

Os grandes lábios que são mais carnudos, mais cheios durante a fase reprodutiva da mulher, quando chega na menopausa e com o envelhecimento eles vão ficando mais murchinhos, e isso realmente pode deixar a mulher com mais vergonha durante o sexo, ela passa a não se achar mais tão bonita. Existe preenchimento para essa área e fica muito bom porque devolve a autoestima para essa mulher. Mulheres que fazem muito esporte apresentam este quadro precocemente.

No caso da flacidez ou perda de volume dos grandes lábios o tratamento é mais simples, feito com preenchimento de gordura retirada da própria paciente através de uma pequena lipoaspiração feita no abdome ou nas coxas. Com este material, o cirurgião faz a lipoenxertia (técnica de cirurgia plástica que usa a gordura do próprio corpo para preencher, definir ou dar volume) dos grandes lábios, tratando a flacidez e atrofia.

Cabe ressaltar que a cirurgia retira apenas o excesso de tecidos, já que determinada quantidade de pele é necessária para proteger o canal vaginal e a uretra de infecções urinárias e dores na relação sexual. Retirar pele em excesso pode causar sequelas desagradáveis e permanentes. É mais rara cirurgia nesta área o mais comum é a realização do preenchimento com excelentes resultados.

PONTO “G ”

Com objetivo de melhorar a área de contato durante a penetração o preenchimento feito na região do Ponto G projeta o mesmo deixando mais elevado e mais aparente para que possa ampliar a sensação de prazer durante o ato sexual ou masturbação.

LASER ÍNTIMO EXTERNO E INTERNO

O laser vaginal tem a capacidade de recuperar o colágeno da vagina e da vulva melhorando além dos sintomas de atrofia, a elasticidade, tônus vaginal e lubrificação que já podem ser sentidos nesta fase da vida.

A falta do hormônio (estrógeno), que acontece na pós menopausa e no pós parto, faz com que as fibras colágenas da pele diminuam. Há ainda uma redução do fluxo de sangue pelos vasos com diminuição da capacidade de retenção de água pelas células. Com isso, a pele fica seca, fina e quebradiça. O mesmo acontece nas mucosas, principalmente vaginal que apesar de não ser visível, pode ficar menos lubrificada, causando dor na relação sexual e perda de urina aos esforços.

O tratamento preconizado é realizado em duas ou três sessões, que são feitas no próprio consultório. Algumas vezes, apenas uma sessão é suficiente para reduzir em mais de 80% os sintomas.

Utiliza-se apenas um creme anestésico local, a aplicação é indolor, já que o tipo de laser usado para essa finalidade não queima. A duração da sessão é de cerca de 20 minutos e após o procedimento preconiza-se o uso de um creme vaginal local para ajudar na hidratação do tecido por alguns dias. Deve se evitar ter relações sexuais por cerca de 3 a 5 dias e os resultados duram cerca de um ano.

LASER PARA O RESSECAMENTO E PERDA DE URINA

A mucosa vaginal, por exemplo, vai perdendo hidratação por falta do estrogênio, o principal hormônio que a gente tem no corpo feminino (em maior quantidade), a rugosidade vai diminuindo e isso vai deixar a vagina mais sensível e muito mais dolorida durante a penetração. A reposição hormonal nesses casos vai ajudar sim, mas existem também tratamentos com laser pra fazer nessa área afim de melhorar a rugosidade de vagina e o tônus deixando ela mais “apertada”.

DOR NA RELAÇÃO SEXUAL – TOXINA BOTULÍNICA

Algumas pacientes sofrem de dispareunia dor a relação sexual . A toxina botulínica pode ser uma grande aliada. Ela age relaxando os músculos que ficam contraídos e reduzindo a dor na relação. Um tratamento simples porem de grande impacto na melhora da sexualidade e qualidade de vida.

PEELING INTIMO CLAREADOR

Da mesma forma que os peelings clareiam as manchas da face nesta região que fica escura pela depilação, após o parto, por alterações hormonais ou atrito com roupa bicicleta moto etc.. os peelings funcionam muito bem . No entato tratam-se de produtos desenvolvidos para esta região considerando toda particularidade dela.

VAGINA E PRAZER AINDA SÃO UM TABU PARA MUITAS MULHERES

Depois que começamos a falar em rejuvenescimento íntimo no consultório descobrimos que existe um grande tabu por parte das mulheres quando o assunto é sua vagina. Essa é uma grande oportunidade para explicar melhor às mulheres têm medo de falar nesse assunto, muitas têm vergonha e outras medo de julgamento. Sim! Julgamento. Eu acho que precisamos acabar com esse tabu e lembrar que a vagina é uma parte muito importante do nosso corpo, ela precisa estar saudável e precisamos conhecê-la para uma melhor sexualidade.

Quanto se fala em doenças as mulheres vão ao ginecologista e se cuidam, fazem o tratamento e pronto. Mas o problema é quando se trata de sexo e prazer, aí as mulheres se sentem envergonhadas, e não conseguem falar com seus parceiros, nem amigas. A coisa piora quando são meninas, pois em algumas famílias não existe esse canal de comunicação, afinal as famílias mais rigorosas por motivos culturais ou medo de alguma coisa, preferem tratar a vagina como algo proibido.

Quem nunca ouviu a mãe dizer: - ” Filha, tira a mão daí que é sujo”. Na verdade em todas as etapas da vida é difícil de falar, imagina as mulheres que já passaram da melhor idade e gostariam de resolver algumas questões que a incomodam, com quem ela pode falar? Com sua filha ou seu filho? Hoje com o aumento da tecnologia as mulheres estão vivendo mais e melhor em vários aspectos, elas estão cada vez mais jovens, com peles bonitas, fortes e em plena atividade sexual. Nesse momento da vida, quando elas podem aproveitar melhor o prazer sexual, pode ser que algo não esteja bem, devido ao envelhecimento. Os homens têm o Viagra ao seu favor, e as mulheres? As mulheres podem contar com vários procedimentos de rejuvenescimento íntimo que atuam nessa direção, inclusive devolvendo o prazer. Se a mulher está desconfortável ou insatisfeita com alguma coisa, seja por excesso dos pequenos lábios, acúmulo de gordura na região, pele escurecida ou se ela tem uma frouxidão, tudo isso pode ser corrigido. Isso vai interferir na função da sexualidade e na qualidade de vida dessa mulher. Sem dúvidas isso é um assunto importante.

CONVIDO VOCÊ A ASSISTIR OS VÍDEOS SOBRE REJUVENESCIMENTO ÍNTIMO  

EXISTE IDADE PARA SE FAZER O REJUVENESCIMENTO ÍNTIMO?

Existem dois lados do rejuvenescimento íntimo, um estético e outro funcional, às vezes os dois se encontram. Por exemplo, dois casos interessantes que a Dra. Mariana Halla compartilhou com a gente.

CASO 1 - 63 ANOS PARA QUER MEXER NISSO?

A Mari me contou que esses dias recebeu uma paciente de 63 anos no consultório, uma mulher madura, bem resolvida, que já viveu muitas experiências, produziu muito, uma mulher que já teve seus filhos, cuidou de toda a família, mas que agora está preocupada com sua estética genital. Você pode pensar: “aos 63 anos, pra que mexer nisso?” Sim! Porque existe uma maturidade muito grande nessa fase e isso deixa a mulher mais pronta para um sexo, e de melhor qualidade, quando ela pode desfrutar de todo o momento sem preocupação alguma. Antes ela tinha as suas inseguranças e todas as outras atividades para administrar na sua vida, agora ela pode ficar focada no corpo dela e no relacionamento.

CASO 2- NA FLOR DA IDADE

Outro caso é de uma menina de apenas 15 anos. Apesar do nome rejuvenescimento íntimo remeter a “trazer juventude de volta”, já teve caso de uma menina que ao se trocar com outras amigas se sentia envergonha porque tinha os pequenos lábios muito grandes, hipertróficos. Isso pode incomodar na calcinha e dificultar na higienização e ela queira muito resolver isso. Mas é claro que quando se trata de uma menina tão jovem, de apenas 15 anos, o ideal é esperar até no mínimo 18 anos, afinal seu corpo ainda está em formação. Em casos de meninas que já estão em atividade sexual pode ser um grande problema na hora da penetração do pênis, pois quando os pequenos lábios são muito grandes, atrapalham a entrada e se ela sentir dor por várias tentativas, isso pode criar uma barreira psicológica, trazendo grandes prejuízos emocionais, como traumas. Por isso é importante ficar atenta e procurar o profissional, mas isso prova que de alguma maneira mulheres em todas as idades podem ter alguma insatisfação quando o assunto é sua vagina.

QUALIDADE DE VIDA

Então eu acho que isso não tem idade. De um lado uma menina de apenas 15 anos que nem iniciou sua sexualidade e por outro uma mulher madura aos 63 anos que deseja ter uma sexualidade de maior qualidade. A sexualidade é uma coisa linda, sem hora para acabar e faz parte de uma boa qualidade de vida. Agora, limite para idade não tem, quando a mulher se sentir preparada para fazer e achar que tem necessidade, tem que fazer sim.

O QUE PODE SER FEITO?

Quando uma mulher vem procurando o rejuvenescimento íntimo eu sempre peço para que passem por uma avaliação ginecológica, para a gente ver essa questão funcional da flacidez e envelhecimento e perda de estética genital. Podemos atuar em praticamente toda a área genital.

Disfunções anatômicas são o excesso dos pequenos lábios, que podem ser retiradas; as rupturas que acontecem após parto, a gente pode corrigir; o vaginismo, quando a mulher tem uma grande dificuldade de ter a penetração, com o Botox isso tem uma melhora significativa. Tem também a questão das alterações de pele, quando ela fica manchada e mais escura, podemos clarear a região genital ou remover os pêlos com depilação a laser. Tudo pode ser tratado.

É incrível que a mesma categoria de procedimentos que a gente faz no rosto possa ser feita na região genital, desde a aplicação da toxina botulínica (BOTOX) para o vaginismo, até um preenchimento com ácido hialurônico, que tem várias aplicações: pode dar volume para os grandes e pequenos lábios, pode ser aplicado no clítoris e obter uma elevação para uma melhora a zona erógena do prazer, e no canal vaginal, no que é dito ponto G, que também aumenta essa zona de prazer.

PONTO G, MUITO MAIS PRAZER

Existe um grande tabu sobre o ponto G. Não se sabe ao certo se ele realmente existe, mas parece que sim, que é uma região localizada 2 a 3 centímetros na parede anterior na vagina, que seria uma região mais enervada, então para as mulheres que não estão sentindo prazer ou tiveram uma diminuição, o preenchimento no local com ácido hialurônico aumentaria essa área, deixando ela mais sensível e aumentando o prazer. Existem muitas mulheres que estão muito felizes com esse procedimento.

FIZ XIXI SEM QUERER... a incontinência urinária

Você já fez xixi sem querer? Estava na roda de amigas e o bate-papo estava tão bom que em meio a gargalhadas sem querer você fez xixi? É super constrangedor né! Temos mais um aliado nessa questão de incontinência urinária. Estão vindo alguns aparelhos com muita tecnologia para essa área, a gente já tem o laser de C02 que é feito no canal vaginal e que melhora a incontinência urinária.

Como esse laser pode ajudar? Precisa ser avaliado o tipo de incontinência urinária, porque em alguns casos o tratamento tem que ser cirúrgico. Em casos mais leves, se usa um tratamento local como os hormônios, mas se ainda não resolver, não atingiu o máximo do resultado esperado, é onde entra o laser. É uma pistola que entra na vagina e são feitos vários disparos (indolor), melhorando o colágeno dessa área e o ângulo da uretra, ajudando na incontinência urinária e na lubrificação vaginal, com uma melhor elasticidade, melhorando na relação sexual.

REPOSIÇÃO HORMONAL X CÂNCER

Sobre a reposição hormonal, se causa câncer ou não, é muito importante falarmos sobre isso e quebrar esse tabu. Os hormônios precisam estar em dia, principalmente se você for fazer uma cirurgia de flacidez local ou hipertrofia dos pequenos ou grandes lábios, os resultados pós-cirúrgicos são muito melhores, tem uma cicatrização mais rápida, qualidade de pele, a mucosa vaginal fica mais lubrificada. Seu oncologista poderá nos ajudar para selecionarmos se você pode ou não fazer esta reposição.

VOCÊ CONHECE SUA VAGINA?

Uma coisa que eu percebi em toda essa jornada foi que as mulheres não conhecem seu próprio corpo, acho que vamos ter que começar dando uma aula de anatomia dos genitais femininos para as mulheres. Por mais incrível que pareça muitas mulheres não pegam o espelho e se examinam. Existem um medo, muitas vezes cultural e vem lá da infância, algumas famílias que são mais rigorosas e dizem “tira a mão daí, isso é sujo”, então acho que precisamos rever alguns conceitos de educação infantil, porque senão a criança cresce com a ideia de que aquilo é uma coisa errada, proibida e não é verdade, a vagina é uma coisa para ser tocada, é para dar prazer. As mulheres não se tocam, não se conhecem. Então é importante a mulher pegar um espelhinho e se olhar, tocar e analisar, isso faz bem, faz parte da anatomia do corpo e é importante para a saúde da mulher.

A parte de fora são os grandes lábios, depois vem o pequenos e temos três buraquinhos nessa área, que é a uretra, onde fazemos xixi; a vagina, por onde temos relação sexual, e o ânus. Em pleno século XXI há mulheres que não têm esse conhecimento.

VAGINA BONITA SIM! E TUDO FUNCIONANDO

Eu achei engraçado o que eu escutei de uma colega dermatologista, ela se deu conta que as mulheres estavam ficando com o rosto esticado, mas de fraudas, porque a região genital não estava sendo tão bem cuidada como o rosto. Muitas mulheres têm um problema funcional de incontinência urinária e acabam fazendo xixi em situações de riso, susto ou nas atividades de esforços físico.

Mas todos esses procedimentos estéticos estão totalmente ligados à funcionalidade da vagina. Em se tratando de funcionalidade, quando seu órgão íntimo está funcionando bem, a mulher fica mais segura e uma mulher mais segurança vai impactar em todas as outras esferas, inclusive na profissional. Mulher bem resolvida sexualmente é uma mulher que dorme melhor, tem mais disposição e consequentemente a pele fica mais bonita, então vale sim um investimento nessa área, pensar com mais carinho.

ENTENDENDO MELHOR A MENOPAUSA

Quais os sintomas mais comuns da menopausa? Realmente são os calores. A gente sabe que até 90% das mulheres têm calores nessa fase e isso atrapalha muito a qualidade de vida. Além do que, às vezes eu brinco com as pacientes, esses calores realmente fritam o cérebro, porque piora muito a função cerebral, a cognição, a memória e até aumenta o risco das doenças do coração, as doenças cardiovasculares. A menopausa precisa de fato ser tratada quando ela apresenta sintomas.

E voltando naquela mulher que está mais irritada, mais deprimida, qualquer coisa fica muito cansada, já não tem mais energia, como a gente pode ajudar? Se ela tem esses sintomas e não tem uma contraindicação – e as principais são o câncer de mama e o câncer de endométrio em estágios mais avançados – o melhor tratamento para essa mulher é a reposição hormonal, de preferência com hormônios bioidênticos, que são substâncias hormonais que possuem exatamente a mesma estrutura química e molecular encontrada nos hormônios produzidos no corpo humano. Esse tratamento vai ajudar a melhorar os calores, vai proteger a parte cardiovascular e o sistema ósseo e não aumenta o risco de câncer de mama, um medo muito grande que aumentou quando se usou hormônios sintéticos na reposição.

Hoje em dia a gente sabe que com a utilização do estrogênio igual ao que o corpo da mulher produz e a progesterona natural não há aumento no risco de câncer de mama. Tem um estudo grande, feito por uma francesa, com 100 mil mulheres, e ela percebeu que realmente não há aumento no risco. Agora, se a mulher já teve câncer de mama, infelizmente ela não pode usar hormônios, mas aí, nesse caso, tem outros tratamentos, como atividade física, acupuntura e, às vezes, até tratamento com alguns ansiolíticos, isso também vai ajudar.

A PELE NA MENOPAUSA

Voltando àquela mulher que estava cheia de sintomas, com irritabilidade, cansaço, falta de libido, como será que está a pele dessa mulher? Sem dúvida alguma ela tem uma pele ressecada e aí não é só a pele, tem as mucosas dos olhos e ela também pode sentir a vagina ressecada, com dor para ter relação sexual, e isso tem tratamento, sempre com um profissional da área. Ela vai se beneficiar desse tratamento e a resposta é muito rápida, às vezes com 3, 4 dias de tratamento ela já começa a sentir alívio desses sintomas, e as outras coisas vão vindo aos poucos, como a melhora da pele, por exemplo. Às vezes é aquela mulher mais vaidosa, que tem um cuidado, um carinho com o corpo dela, percebe que mesmo usando aqueles cremes de costume, o mesmo tratamento que ela sempre usou, a resposta já não é tão boa, porque ela vai perdendo colágeno com a falta do hormônio.

Uma mulher na menopausa perde em torno de 2% de colágeno ao ano, então imagina isso depois de 10, 20 anos. E a gente sabe com a expectativa de vida que a tendência é a gente viver no mínimo 30 anos na menopausa, às vezes até 50 anos, então precisa ser um momento visto, tratado, cuidado, pra que ela tenha uma boa qualidade de vida e alívio desses calores, e manter a sexualidade por um tempo maior e com qualidade.

A POLÊMICA DOS ANABOLIZANTES

A busca pelo corpo perfeito é sempre o desejo de muitas mulheres, de todas, eu diria. Agora, será que às vezes a gente não extrapola um pouquinho? A consequência disso pode ser devastadora.

Alimentação e atividade física, todo mundo sabe que é importante e que tem que ser feito também o controle dos hormônios pelo seu médico… Isso sem dúvida alguma. Agora, em relação ao uso dos anabolizantes, tão conhecidos nas academias, entre algumas celebridades da televisão e da internet, o assunto é polêmico sim. Que o corpo vai ficar belo, cheio de formas, realmente vai, mas a custo de quê? As consequências são devastadoras e a gente precisa falar um pouquinho sobre isso.

O QUE SÃO ANABOLIZANTES?

Anabolizantes são drogas sintéticas fabricados a partir da testosterona, hormônio sexual masculino, e podem ser encontrados em forma de comprimidos, cápsulas ou injeções intramusculares. Eles ajudam no crescimento dos músculos e no desenvolvimento das características masculinas, como: pelos, barba, voz grossa etc. Os principais usuários dessas drogas são os atletas, porém o uso tem crescido entre pessoas que buscam um corpo musculoso, “sarado”, inclusive as mulheres.

Inserir Benefícios

ANABOLIZANTES E O CORPO DA MULHER

Seguindo nossa linha de vídeos sobre o rejuvenescimento íntimo, você pode estar se perguntando o que os anabolizantes tem a ver com o tema. Por incrível que possa parecer, tem muito a ver sim. As mulheres que acabam recorrendo a esse recurso do uso das bombas e dos anabolizantes de forma indiscriminada, que é o que a gente mais vê por aí, podem ter um crescimento exagerado do clitóris e isso não tem volta. E aí, toda aquela área que a gente quer sempre bela, que é a área genital, quer sempre remeter a uma feminilidade acaba perdendo essa característica. Isso realmente não tem como reverter.

ASSISTA OS VIDEOS EDUATIVOS NO ASSUNTO :

Convidei minha parceira e amiga Dra. Mariana Halla que é gineco-endocrino, especializada em envelhecimento saudável e em saúde da mulher.

Nesse vídeo tivemos um bate papo de profissionais, mas, acima de tudo, como amigas, pois é um assunto íntimo e têm que ser quebrados toda a vergonha e tabus, e falar de mulher para mulher.